Unidade de Tratamento Intensivo (UTI)

O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

A Unidade de Tratamento Intensivo do Hospital de Câncer de Barretos possui modernas instalações amplas, climatizadas, equipadas com monitoração computadorizada multiparamétrica, respiradores microprocessados e monitoração Hemodinâmica completa (invasiva e não-invasiva). Mas além da estrutura, nossos pacientes recebem um tratamento altamente humanizado e especializado, promovendo uma assistência abrangente, íntegra e completa.

O acompanhamento diário dos pacientes internados é realizado de maneira horizontal por uma equipe multidisciplinar incluindo médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, psicólogos, nutricionistas, assistentes sociais, especialistas em terapia intensiva e dentistas. Além disso, o departamento também conta com uma equipe exclusiva de apoio, envolvendo as áreas de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH), neurologia, farmácia, cirurgia, radiologia, oncologia clínica e fonoaudiologia.

A internação na unidade de tratamento intensivo é um procedimento que emprega uma integração com a família e cuidadores do paciente: é possível a realização de três visitas diárias e é permitida a permanência de um acompanhante durante o período da tarde. Assim que o paciente adquire a possibilidade de locomover-se, são realizados passeios pelo hospital em ambientes externos.

Além desses procedimentos, há um trabalho intenso em parceria com a psicologia (com um psicólogo que atua exclusivamente para a UTI), formando o Grupo Acolher: um grupo de orientação para familiares e cuidadores sobre as atividades realizadas na UTI, responsável por esclarecer os diagnósticos e também ajudá-los a lidar com a carga emocional que envolve a delicada situação.

Pensando também nos pequenos detalhes humanizadores que fazem a diferença para o paciente internado, todos os leitos são quartos privativos equipados com tapa-olhos e protetores auriculares (para assegurar o conforto do paciente), um mural para colocar fotos e mensagens dos familiares, clarabóias que permitem a visualização do exterior (para que o paciente verifique se é noite ou dia), televisão, relógio com data e hora (para que o paciente não fique desorientado em relação a sua permanência) e “tops” femininos para manter a privacidade das mulheres.

A Unidade de Tratamento Intensivo do Hospital de Câncer de Barretos é cadastrado no protocolo universal Surviving e esta sempre na busca permanente por um atendimento mais dinamizado. Para viabilizar esses processos, o setor realiza reuniões semanais com todos os multiprofissionais envolvidos com o setor para a realização de planejamentos nos atendimentos e desenvolve as atividades do Projeto Acerto: uma iniciativa que visa acelerar o processo de recuperação do paciente cirúrgico com mais qualidade. A equipe de enfermagem também passa por reciclagens a cada 15 dias, realizando treinamentos, discussões de artigos e melhorias operacionais na prática diária do atendimento assistencial ao paciente. Os médicos também são estimulados para participarem de congressos anualmente, para oxigenar idéias e trazer novidades para o setor.